Pelotas, de “Mal cuidada” à um passo da sustentabilidad

Pelotas é uma cidade com vários pontos de poluição, locais perto de moradias que acabam juntando resíduos de todos os tipos. Já são vários casos de doenças obtidas por pessoas que moram próximas a estes locais.
Pensando em mudar essa situação, a prefeitura municipal do município criou o Ecoponto Municipal de Pelotas, que vai abranger as cinco macroregiões da cidade – Fragata, Centro, Três Vendas, Areal e Laranjal. O local vai receber resíduos de papelão, plástico, vidro, entulhos da construção civil e móveis de madeira.
Jussara Brandstetter, moradora do bairro Três Vendas fica feliz com a inauguração do local, já que próximo a sua residência os vizinhos juntavam muito lixo “Pode ser que agora todos tenham consciência de que existe um local adequado para o lixo.” Jussara explica que na frente da sua casa todas as semanas móveis velhos, podas de árvores e até eletrodomésticos estragados era jogados ali, para ela, a iniciativa da prefeitura é uma mão na roda, já que sem o montante de lixo próximo da sua residência, muitas coisas podem ser evitadas.

 

Inauguração do Ecoponto Municipal de Pelotas será na próxima segunda- feira- https://blogdasonhadora.wordpress.com/2016/03/17/inauguracao-do-ecoponto-municipal-de-pelotas-sera-na-proxima-segunda-feira/

Ecoponto Municipal, um ganho para a cidade https://blogdasonhadora.wordpress.com/2016/03/17/ecoponto-municipal-um-ganho-para-a-cidade/

Ecoponto Municipal, um ganho para a cidade

Opinião.

Quem passa por vários terrenos baldios em Pelotas (e em qualquer cidade) vê uma centena de lixos de todos os tipos jogados, desde materiais recicláveis comuns – como papel, plástico, vidro, etc – como também aparelhos eletrônicos e outros tipos de resíduos, até mesmo óleo de cozinha.
É muito fácil reclamar do poder público quando nem mesmo o cidadão ajuda a manter a cidade limpa, e sempre vemos quando acontecem catástrofes naturais, pessoas colocando a culpa na administração da cidade, no entanto, não olham para si mesmas e enxergam que seus atos contribuem e muito para tais situações de desespero.

Mas agora a população pode mudar seus hábitos e levar seus resíduos para o Ecoponto Municipal, lá serão aceitos materiais como papelão, vidro, plástico, mobiliário, podas de árvore e entulhos da construção civil.

A cidade está se encaminhando para um “Mundo Sustentável”, como diz a Campanha da Fraternidade 2016 “Casa Comum, nossa responsábilidade”, então, basta torcer para que este seja o início de uma cidade mais limpa e consecutivamente com menos catástrofes.

Inauguração do Ecoponto Municipal de Pelotas será na próxima segunda-feira

 

Local deve receber materias reciclados inertes a partir do dia 7 de março

Gabriela Guido

Pelotas. O Ecoponto Municipal de Pelotas localizado na Avenida Juscelino Kubitschek de Oliveira terá sua abertura oficial ao público na próxima segunda feira, 7 de março às 9h30.

O secretário de serviços urbanos, Luiz Vanderlan, explica que o atraso aconteceu porque o local só ficou pronto agora, segundo ele a compra dos equipamentos foi um dos fatores.

O projeto que contempla cinco macroregiões da cidade – Centro, Areal, Fragata, Três Vendas e Laranjal – tem como principal objetivo fazer com que a população faça o descarte correto de seus resíduos recicláveis. Vanderlan conta que o local terá toda a infraestrutura para receber os materiais, são quatro coletoras de um metro cúbico, três de três metros cpubicos e um contêiner onde deve funcionar o escritório.

De acordo com ele o Ecoponto Municipal é um posto de recebimento de material para pequenos geradores, podendo cada pessoa levar um metro cúbico e meio por dia.

Os resíduos que serão descartados ali já tem destino, o local vai funcionar em parceria com as Cooperativas de reciclagem da cidade. Cada cooperativa vai ficar ficar um mês selecionando os materiais.

Para a população que já pensa em se desvencilhar de seus detritos é bom ficar atenta aos horários de funcionamento: Das 8h às 12h – das 14h às 18h, de segunda a sexta – feira, e aos materiais que poderão ser descartados no Ecoponto: vidro, papelão, mobiliário, podas de árvore, plástico e entulhos da construção civil, não serão aceitos lixos eletrônicos e pilhas.

Logística Reversa:

A gestão inadequada dos lixos gera inúmeros danos ambientais que comprometem a qualidade de vida, como por exemplo a emissão de gases nocivos pela putrefação, depósito em áreas de preservação ambiental, e descarte em áreas pluviais, provocando alagamentos.

A política nacional de resíduos sólidos (PNRS) introduziu pela lei nº12305, de 2 de agosto de 2010 que destacam–se a responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida dos produtos e logística reversa. Nos termos da PNRS a logística reversa “é o conjunto de atribuições individualizadas e encadeadas dos fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes, dos consumidores e dos titulares dos serviços públicos de limpeza urbana e de manejo dos resíduos sólidos, para minimizar o volume desses resíduos e rejeitos gerados, bem como para reduzir os impactos causados à saúde humana e à qualidade ambiental decorrentes do ciclo de vida dos produtos, nos termos desta Lei.”,

ou seja, o estabelecimento que comercializa os produtos que futuramente se tornarão resíduos sólidos precisam recolher esses resíduos.

Locais que aceitam resíduos não coletados pelo Ecoponto Municipal:

Produtos recicláveis ou perigosos ao meio ambiente devem ser entregues em locais conveniados com a prefeitura:

Medicamentos vencidos: Farmácias Panvel Filial do Calçadão da Andrade Neves e Farmácias São João;

Pilhas e baterias: Supermercados Peruzzo – Praça 20 de Setembro e Laranjal – Telefone (53)3227-4022 / (53)3278-8599; Lojas C&A – Centro – (53)21230005; Macro Atacado Treichel – Três Vendas (53)32737374;

Lâmpadas Fluorescentes: Supermercado Peruzzo;

Óleo saturado (de cozinha): Ronald’s Coleta (53) 9107-6336 / (53) 9947-1665;

Resíduo Eletrônico: CEADI Planeta Vivo – Rua Lobo da Costa, 1274 – (53) 3028 8279; Cooperativa de Lixo Eletrônico – Marcílio Dias, 392. Fone: (53) 8127-7026;

Embalagens de Cosméticos: Lojas O Boticário;

Locais que aceitam resíduos que não são aceitos pelo Ecoponto Municipal

Produtos recicláveis ou perigosos ao meio ambiente devem ser entregues em locais conveniados com a prefeitura:

Medicamentos vencidos: Farmácias Panvel Filial do Calçadão da Andrade Neves e Farmácias São João;

Pilhas e baterias: Supermercados Peruzzo – Praça 20 de Setembro e Laranjal – Telefone (53)3227-4022 / (53)3278-8599; Lojas C&A – Centro – (53)21230005; Macro Atacado Treichel – Três Vendas (53)32737374;

Lâmpadas Fluorescentes: Supermercado Peruzzo;

Óleo saturado (de cozinha): Ronald’s Coleta (53) 9107-6336 / (53) 9947-1665;

Resíduo Eletrônico: CEADI Planeta Vivo – Rua Lobo da Costa, 1274 – (53) 3028 8279; Cooperativa de Lixo Eletrônico – Marcílio Dias, 392. Fone: (53) 8127-7026;

Embalagens de Cosméticos: Lojas O Boticário;